0
0
0
s2sdefault

historias de sucesso eugenio mboaneChamo-me Eugénio Mboane, tenho 79 anos de idade, natural de Manjakaze, casado e vivo somente com a minha mulher em casa. Vivo em Maputo desde 1978, sai de Manjakaze pra cá para trabalhar como estivador no porto e caminhos de ferro de Moçambique, mas o contrato terminou e a empresa indemnizou-me.

Fiquei a saber do subsídio social básico através de palestras que o INAS dava na altura me inscrevi e na primeira visita os técnicos me escolheram. Antes de ser beneficiário fazia biscates, desentupia fossas, mais por causa da idade já não tenho forças.


Com os 390 meticais do subsídio, compro alguns produtos para produzir bebida tradicional para vender. Fico apenas dois dias com o valor do subsídio e os restantes dias sobrevivo com o valor da venda da bebida tradicional. Sou muito grato pelo subsídio e pelo atendimento que a permanente e técnicos do INAS me dão, mas se o governo aumentasse o valor para 1500 meticais conseguiria viver sem muitas dificuldades.

0
0
0
s2sdefault