0
0
0
s2sdefault

americo sendelaAmérico Sendela é deficiente físico, nascido em 1956, natural de Inhambane, vive com sua esposa e duas netas que frequentam o ensino primário. Beneficiário do programa subsídio social básico a 2 anos, recebe 310 mt, conheceu o programa através das estruturas do bairro e manifestou interesse em ingressar, de seguida recebeu visita dos técnicos do instituto nacional de acção social (INAS).


Antes de ser beneficiário, o seu sustento advinha do fabrico e venda de cesto de palha (por sinal ate hoje o negocio prevalece e vem reforçar a renda da família), uma vez que o sr Américo não consegue percorrer longas distancia para adquirir a matéria-prima para fabrico dos cestos, ele conta com ajuda de outros comerciantes que tem lhe fornecido a palha e paga-lhes assim que conseguir vender os cestos ou quando recebe o subsídio.
Com o valor do subsídio o beneficiário usa uma parte para quitar as suas dívidas com as pessoas que o tem trazido a palha, usa para as despesas escolares das suas netas e paga comida.


Antes de ser beneficiário e agora que é mudou alguma coisa pese embora o custo de vida ter subido bastante, agora ele já não precisa percorrer longas distancia a procura de palha porque já tem quem possa lhe ajudar e pagar com o valor do subsídio ou da venda dos cestos.
Este idoso conta apenas com ajuda da sua mulher nas despesas de casa, pois ela vende hortaliça no mercado.


Fica a mensagem e o pedido de mais um beneficiário:
“Agradeço a preocupação da equipe da plataforma da sociedade civil moçambicana para protecção social para com os beneficiários da Acção social, e peço para que mais membros da minha família sejam incluídos na lista de beneficiários”

 

0
0
0
s2sdefault