0
0
0
s2sdefault

isaura nyusi materinades misauA Primeira-dama da República de Moçambique, Isaura Nyusi defende a transformação de todas as maternidades do país em maternidades-modelos, onde as parturientes têm a oportunidade de ter assistência personalizada.


Isaura Nyusi fez este pronunciamento pouco depois de proceder acreditações das maternidades do Centro de Saúde 7 de Abril e da maior unidade sanitária da província de Manica, Hospital Provincial de Chimoio.
“É com satisfação e orgulho que procedo a este acto de acreditação, na expectactiva de que um dia, todas as maternidades do país serão maternidades-modelo”, disse a esposa do Presidente da República, para quem o Ministério da Saúde (MISAU) deve continuar a firmar parcerias para que consiga materializar este sonho.


Por outro lado, a esposa do Estadista Moçambicano recomendou aos profissionais de saúde a tratar os pacientes com humanismo, aprimorando a melhoria nos cuidados destes, com especial atenção à mulher e criança.


“A humanização dos serviços de saúde é um objectivo alcançável. O alcance dos padrões de qualidade também é possível, empenhando-nos com muita auto-estima, motivação, determinação e com o envolvimento de todos”, disse Isaura Nyusi.


Na ocasião, Pascoa Waty, em representação da ministra da saúde, fez notar os requisitos para que uma maternidade seja considerada modelo.
“Primeiro deve ser campo de estágio para saúde materno-infantil, outro critério é ser uma unidade sanitária envolvida em outras iniciativas de melhoria de qualidade de serviços prestados, ser uma unidade sanitária com disponibilidade de recursos para providenciar cuidados em saúde materna e do recém-nascido”, avançou Waty.


In O País

0
0
0
s2sdefault