0
0
0
s2sdefault

IMG 1167A Plataforma da Sociedade Civil Moçambicana para Protecção Social PSCM-PS em parceria com a Organização Internacional do Trabalho (OIT) e o Instituto para Democracia Multipartidária (IMD), realizou nos dias 18 e 19 de Abril, uma formação em matérias de protecção Social a cerca de 31 partidos políticos e posterior visita aos beneficiários do programa de Subsidio Social Básico implementado pelo Instituto Nacional de Acção Social (INAS) para acompanhar in loco o dia-a-dia dos beneficiários do Programa de Subsidio Social Básico (PSSB) no Distrito de Marracuene e desta forma influenciar/ advogar para uma maior sensibilidade por parte dos partidos políticos no sector da Protecção Social.

Consciente de que este é um ano eleitoral, onde os Partidos Políticos vão apresentar as bases das suas ideias de governação, caso vençam as eleições, a PSCM-PS julgou ser pertinente que estes tivessem a oportunidade de interagir com os beneficiários e posteriormente refletir em torno do cenário encontrado no terreno bem como Partilhar Informações de modo a que os partidos políticos ponham na pauta dos seus manifestos eleitorais questões sensíveis a protecção social.

“Este encontro mostra-se relevante na medida em que os Manifestos Eleitorais constituem um dos principais documentos de compromisso entre os partidos e os eleitores, sendo que é a partir dele que os Partidos vão desenhar as acções de governação durante os 5 anos. Na verdade, acreditamos que esta interacção e reflexão, permitirá com que os partidos tenham manifestos mais enriquecidos e com a questão da Protecção Social que preocupam a população”, afirmou Sérgio Falange Secretário executivo da PSCM-PS.

Para os partidos políticos a deslocação ao terreno foi uma mais-valia, na medida em que proporcionou-lhes matéria que servirá de base para a elaboração e/ou aprimoramento dos seus manifestos para as eleições que se avizinham.

0
0
0
s2sdefault