0
0
0
s2sdefault

mais de cinco mil idos recebem assistenciaMais de cinco mil idosos de cinco postos administrativos estão a beneficiar de Subsídio Social Básico e Apoio Social Directo, no distrito de Mandlakazi, em Gaza.
Os números foram apresentados a margem das comemorações do dia do idoso, assinalados recentemente cujas cerimónias foram por desfiles e varias manifestações cultuarias retratando o dia-a-dia desta camada.


Na circunstância, André Matsinhe, director do Serviço Distrital da Saúde, Mulher e Accão Social, de Mandlakazi, falando em representação do administrador do distrito, explicou que cada cidadão deve refletir sobre a velhice, um caminho a ser trilhado por todos.


Por outro lado, anotou que os preconceitos em relação a pessoa idosa criam fragilidade do ponto de vista da sua influência na resolução de conflitos e na construção de uma sociedade cada vez mais estruturada, o que é sustentada pelo deficiente reconhecimento da pessoa idosa, falta de respeito, negligencia e acusação de feitiçaria, desamparo familiar e comunitário.


Aos agentes económicos, apelou para canalizarem seus apoios aos órgãos apropriados, para evitar filas de idosos, nos estabelecimentos comerciais e assegurar entrega segura aos beneficiários.


Na ocasião, 310 idosos provenientes de diferentes bairros do posto administrativo da sede e área municipal beneficiaram de almoço oferecido pelo gabinete da esposa do administrador do distrito de Mandlakazi.


Trata-se de idosos que, vivendo em seus agregados, têm sido assistido pelo Centro Aberto de Apoio a Velhice, envolvendo-se em actividades produtivas e de artesanato.


Verónica Munguambe Ouana, esposa do administrador do distrito de Mandlakazi, explicou que o gesto visa despertar a sociedade para a valorização da pessoa idosa, uma vez ser comum a ocorrência de cenários de abandono, acusações e rejeição a pessoa da terceira idade.


In Notícias

0
0
0
s2sdefault