0
0
0
s2sdefault

Governo responde perguntas colocadas pelo parlamento infantilNo segundo e último dia da sexta sessão do parlamento infantil, o Governo foi chamado a responder as perguntas dos pequenos deputados. No país há mais de 600 mil crianças que estudam sentadas no chão e ao relento, por isso, nesta oportunidade que só têm a cada dois anos, não pouparam questões a ministra da Educação, Conceita Sortane.

As crianças perguntaram como a madeira apreendida na operação tronco vai reduzir o défice de carteiras nas escolas nacionais.
Quanto ao trabalho infantil, Osvaldo Pitersburgo, vice-ministro do Trabalho, Emprego e Segurança Social, diz que o executivo está avançado no projecto de elaboração da lista dos trabalhos perigosos para as crianças.
Casamentos prematuros, violência contra criança e falta de parques infantis nas províncias também fizeram parte do debate, do Parlamento Infantil. Mas os petizes não querem parar por aqui por isso pedem um parlamento da juventude.
O parlamento infantil reúne-se na Assembleia da República a cada dois anos e é um espaço onde as crianças tem a oportunidade de colocar as suas preocupações.
In O País

0
0
0
s2sdefault